Notícia

05/12/2018 - BMW M8 COMPETITION FLAGRADO SEM CAMUFLAGEM

BMW M8 COMPETITION FLAGRADO SEM CAMUFLAGEM Imagens e fotos de carro

Há mais de um ano que o BMW M8 roda por aí camuflado, apesar de estar competindo desde o início do ano no WEC com a versão GTLM. O GermanCarforum flagrou a versão Competition sem disfarces e pronta para ser revelada.

Estas imagens foram obtidas em um workshop dedicado a vendedores e técnicos da BMW, onde o M8 Competition esteve sem restrições. Percebe-se as diferenças para o coupe normal, com um para-choque dianteiro agressivo, amplas entradas de ar e uma grade preto fosco com muita fibra de carbono misturada. Pelo lado aerodinâmico, nada de exuberante, apenas um pequeno spoiler e pouco mais.

Os para-lamas com saídas de ar já são conhecidos nos produtos M com o logotipo M8 por cima. As rodas são de 20 polegadas e escondem enormes freios M com pinças douradas, o teto conta com duas saliências em fibra de carbono, o mesmo material que serve de capa para os espelhos. Na traseira surge um para-choque redesenhado, um spoiler de carbono colocado em cima da tampa do porta-malas e um difusor de carbono com quatro saídas de escape redondas.

Em relação ao interior, surge um volante redesenhado, aplicações de carbono e a exibição do logotipo M8 nos bancos, nas soleiras das portas e nos tapetes.

O modelo não deverá surgir antes do M8 ‘normal’, mas sabe-se, desde já, que em termos mecânicos estará próximo do M5 Competition. Ou seja, um motor V8 com 4.4 litros biturbo com 625 cv e 750 Nm de torque, acoplado a uma transmissão automática de 8 velocidades e tração integral. Essa configuração permite uma aceleração de 0 a 100 km/h em 3.3 segundos e 304 km/h de velocidade máxima. Estes são os números que estão disponíveis no M5 Competition, mas como o M8 estará no topo dos modelos M, acredita-se que o bloco V8 poderá aproximar-se dos 700 cv. Aliás, Frank van Meel, chefe da BMW M, disse no ano passado que o M8 “estará no topo da hierarquia e, por enquanto, não há planos para um modelo acima dele e por isso teremos que ter cifras que justifiquem esse posicionamento.”


Autor: PlanetCarsZ