Notícia

28/04/2018 - GUMPERT RG NATHALIE: PRIMEIRO CARRO ELÉTRICO ALIMENTADO POR METANOL FOI REVELADO EM PEQUIM

GUMPERT RG NATHALIE: PRIMEIRO CARRO ELÉTRICO ALIMENTADO POR METANOL FOI REVELADO EM PEQUIM Imagens e fotos de carro

O novo projeto de Roland Gumpert deixou muita gente surpresa. No Salão de Pequim 2018, o criador do Gumpert Apollo apresentou um novo esportivo que conta com a primeira célula de combustível de metanol da história: o RG Nathalie.

O projeto foi realizado pela start-up chinesa Aiways, na qual Roland Gumpert é o diretor de produto, em colaboração com a empresa dinamarquesa Serenergy. O modelo é um atraente coupe de agressivas e contundentes formas que lembra, e muito, o Gumpert Explosion apresentado no Salão de Genebra 2014, que contava com uma arquitetura muito similar, ou seja, chassi tubular e carroceria de fibra de carbono. Porém, o mais interessante é o que se esconde debaixo de sua carroceria, pois o esquema motriz desse modelo é totalmente inédito.

O RG Nathalie (siglas de Roland Gumpert, além do nome de sua própria filha) se move graças a quatro pequenos motores elétricos que vão alojados junto às rodas, e se alimentam de eletricidade através de um pack de baterias que está situado no solo do veículo em forma de ‘T’ (como no Chevrolet Volt) e que recebe a eletricidade de uma célula de combustível que se encontra no vão dianteiro, mas não se alimenta de hidrogênio, como é habitual, mas de metanol.

De acordo com a empresa, esse sistema é muito mais barato e rentável que as células de combustível tradicionais, pois não requer os complexos sistemas de armazenamento de hidrogênio no veículo, e qualquer posto de combustível pode fornecer o metanol em uma bomba convencional, não tendo que modificar a estrutura atual. Segundo Gumpert, a autonomia do RG Nathalie com um só tanque pode chegar até os 1.200 quilômetros.

Quando o metanol passa pela célula de combustível, são gerados dióxido de carbono e água, mas como na criação do metanol se toma o CO2 da atmosfera, a marca afirma que “o resultado final é de zero emissões”.

O comprimento do modelo apresentado é de 4.2 metros e o peso total do conjunto é inferior aos 1.600 quilos, com uma distribuição de massa de 45:55 dianteira/traseira respectivamente. A potência total combinada dos quatro motores está entre os 420 e os 430 cv e pode acelerar de 0 a 100 km/h em menos de 2.5 segundos. O RG Nathalie será levado a Nürburgring para buscar um tempo fora de série, que segundo Gumpert, será inferior aos 7:11 conseguidos em 2009 pelo Gumpert Apollo.


15/05/2018

GUMPERT APOLLO QUE CONSEGUIU O RECORDE EM NÜRBURGRING ESTÁ À VENDA



Autor: PlanetCarsZ