Notícia

10/10/2018 - MOTOR ROTATIVO DA MAZDA REGRESSA E SERÁ FUNDAMENTAL NOS CARROS ELÉTRICOS

MOTOR ROTATIVO DA MAZDA REGRESSA E SERÁ FUNDAMENTAL NOS CARROS ELÉTRICOS Imagens e fotos de carro

Os primeiros carros elétricos da Mazda verão a luz em 2020 como parte do plano de longo prazo denominado ‘Sustainable Zoom-Zoom 2030’. Como parte dessa transição para a mobilidade elétrica, o fabricante japonês apostou em trazer novamente ao mercado seu motor rotativo. Isso mesmo, o motor rotativo da Mazda regressa e será parte fundamental nessa ofensiva elétrica.

Em 2020 surgirão os dois primeiros carros elétricos de produção em série com bateria. Um deles será um elétrico puro, enquanto que o segundo combinará a bateria com um pequeno, leve e silencioso motor rotativo da Mazda que atuará como extensor de autonomia.

O motor rotativo recarregará a bateria quando for necessário para poder ampliar a autonomia do veículo elétrico. Com essa proposta, a Mazda espera atrair parte do público que continua preocupado com a autonomia e que no final acaba descartando a compra de um carro novo totalmente elétrico.

Além do seu tamanho reduzido e a elevada potência produzida pelo motor rotativo, a Mazda aproveitará a compatibilidade dessa mecânica com os combustíveis gasosos, já que o sistema também está projetado para a combustão de Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) e proporcionar assim uma fonte de eletricidade em casos de emergência.

O lançamento de um veículo elétrico com motor rotativo como extensor de autonomia não é mais que uma das inúmeras novidades em que está trabalhando a Mazda. O fabricante continua apostando no motor de combustão interna. É por isso que lançará proximamente ao mercado o novo motor SKYACTIV-X, um motor a gasolina que promete cifras de consumo próprias de um propulsor diesel.

Além dos combustíveis alternativos como o Gás Natural Comprimido (GNC), Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) e inclusive o hidrogênio, a Mazda destaca que está estudando a viabilidade de combustíveis líquidos recicláveis, como os biocombustíveis procedentes do cultivo de microalgas. A Mazda também explorará as vantagens da condução elétrica em combinação com as tecnologias patenteadas pela própria marca. O objetivo está claro, reduzir as emissões de CO2 e contribuir para melhorar o meio ambiente.

Autor: PlanetCarsZ