Notícia

10/01/2019 - NOVO FORD EXPLORER RETORNA COM A PROPULSÃO TRASEIRA

NOVO FORD EXPLORER RETORNA COM A PROPULSÃO TRASEIRA Imagens e fotos de carro

A Ford decidiu recuperar o esquema de propulsão traseira para a nova geração do Ford Explorer, que depois de mais de uma década tendo assentado suas bases sobre uma plataforma de tração dianteira, agora decidiu voltar às suas origens, estreando uma nova arquitetura que entrega a potência do seu motor sobre o eixo traseiro.

O novo Ford Explorer 2019 estreou nos Estados Unidos e hoje podemos conhecer as primeiras imagens oficiais desse célebre modelo, que se atualiza com um aspecto completamente renovado e com maiores capacidades que o modelo anterior.

A linha de motores inicial do novo Ford Explorer 2019 incluirá nos Estados Unidos duas alternativas a gasolina. As versões de acesso contarão com o Ecoboost de 2.3 litros, um bloco de quatro cilindros que desenvolve 300 cv de potência. Os mais equipados terão debaixo do capô um 3.0 Ecoboost V6 com 365 cv de força.

Em ambos os casos surgem acoplados a uma transmissão automática de dupla embreagem com 10 velocidades e propulsão traseira de série, mas a tração nas quatro rodas também estará disponível.

O equipamento mais relevante do novo Explorer, inclui tampa traseira de acionamento elétrico, sistema de infotainment com tela táctil de 8.0 polegadas, acesso WiFi 4G LTE, instrumentação digital configurável, teto panorâmico, estofamento em couro, rodas de liga leve, etc. Os mais equipados poderão contar com um sistema multimídia SYNC 3 com tela de 10 polegadas, Apple CarPlay, Android Auto, navegação integrada, etc.

Em segurança, todos os Explorer agora incluem de série alerta de objetos no ponto cego, alerta de tráfego cruzado traseiro, manutenção de faixa, frenagem autônoma na cidade com detecção de pedestres, controle de velocidade adaptativo, smart beam, câmera de visão traseira, estacionamento assistido, etc.

A comercialização da nova geração do Ford Explorer começará no início do segundo semestre deste ano, inicialmente nos Estados Unidos e pouco tempo depois no resto dos mercados internacionais.


Autor: PlanetCarsZ