25/09/2015 - O PRIMEIRO ROLLS-ROYCE ELÉTRICO PODE ESTAR A CAMINHO

A tecnologia elétrica nos automóveis é algo muito recente, talvez dentro de quatro anos seja algo normal em nossas cidades. A Rolls-Royce não quer ficar em desvantagem em relação a outras marcas do setor premium e se lançou também nos veículos elétricos.

O concept que a marca apresentou em 2011, o 102EX, que havia sido descartado pelo seu elevado tempo de recarga, já é um passo dado no desenvolvimento da tecnologia, uma vez que o modelo foi considerado pela marca como o primeiro veículo premium de propulsão elétrica.

O pessoal da Rolls-Royce entende que um regulamento tão rígido em relação às emissões de gases no meio ambiente, faz o setor de veículos premium apontar sua alça de mira para os modelos elétricos. Indicam também que o sucesso dos elétricos premium, assim como todos os outros modelos com essa propulsão, somente será atingido com a criação de uma forte rede de estações de recarga.

Torsten Müller-Otvos, o CEO da Rolls-Royce, declarou durante o Salão de Frankfurt: “definitivamente posso imaginar um Rolls-Royce completamente elétrico”. E um veículo elétrico como o 102EX só faria sentido se for encontrada “uma tecnologia de baterias que possa oferecer cargas aceitáveis a nossos clientes”. “A Rolls-Royce ainda não tomou uma decisão final sobre a produção de um modelo elétrico ou um híbrido plug-in, e não há um prazo definido para essa decisão”, finaliza o CEO.

Depois de duvidar sobre a viabilidade da tecnologia elétrica nos automóveis, a nova postura da Rolls-Royce reflete a crescente pressão sobre os fabricantes de automóveis em oferecer a condução sem emissões. A Rolls-Royce assegura que a falta de estações e o tempo de recarga, fazem com que os clientes ainda relutem em relação aos veículos elétricos.

Confira as Fotos