Notícia

10/10/2018 - PEUGEOT INTERROMPE O DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MOTORES DIESEL DEVIDO A QUEDA DA DEMANDA

PEUGEOT INTERROMPE O DESENVOLVIMENTO DE NOVOS MOTORES DIESEL DEVIDO A QUEDA DA DEMANDA Imagens e fotos de carro

Os motores diesel parecem ter se transformado no mais recente inimigo da sociedade e nos últimos meses vimos a sua popularidade cair em um ritmo vertiginoso. Isso motivou que muitos fabricantes tenham decidido repensar sua estratégia em torno desse tipo de motorização e a Peugeot decidiu interromper o desenvolvimento de novos motores diesel para observar o comportamento do mercado nos próximos anos.

Isso não significa que a marca francesa se despedirá definitivamente dos motores diesel, mas não se esperam novidades de relevância nesse campo nos próximos anos, e se a demanda de motores híbridos plug-in continuar em um ciclo ascendente, provavelmente nunca mais voltaremos a ver novos motores diesel na linha Peugeot.

A marca francesa deteve o desenvolvimento de novos motores diesel pelo menos até que o mercado se estabilize, e poderá eliminá-los de seu catálogo, assim como foi confirmado pelo diretor de produtos do Grupo PSA, Laurent Blanchet, no Salão de Paris 2018.

Embora a Peugeot tivesse lançado recentemente um novo motor diesel de 1.5 litros que cumpre com os mais recentes regulamentos de emissões e com o protocolo de homologação WLTP, Blanchet confirmou que não pensam desenvolver novas evoluções da tecnologia diesel atual, e que serão mantidos em stand-by aguardando o que acontecerá nos próximos anos. O diretor afirmou ainda que se nos próximos anos a participação do diesel alcançar um mínimo de 5%, a Peugeot abandonará essa tecnologia, mas se pelo contrário ficar por volta dos 30%, voltarão a pensar nessa estratégia.

Entretanto, a eletrificação é a que manda na estratégia atual do fabricante francês, já que o Grupo PSA planeja uma forte ofensiva em termos de veículos híbridos e elétricos para suas marcas Citroën, DS, Peugeot e Opel, já que todos os modelos lançados a partir do próximo ano serão oferecidos em versões híbridas e elétricas.

Autor: PlanetCarsZ