Notícia

10/01/2019 - SUCESSOR DO KOENIGSEGG AGERA SERÁ LIMITADO A 125 UNIDADES

SUCESSOR DO KOENIGSEGG AGERA SERÁ LIMITADO A 125 UNIDADES Imagens e fotos de carro

O lançamento do sucessor do Koenigsegg Agera acontecerá em questão de alguns meses. A estreia desse esperado superesportivo será no Salão de Genebra 2019, que abrirá suas portas no próximo mês de março. No final do mês de junho do ano passado, a própria Koenigsegg já havia oferecido um breve, mas interessante teaser desse novo modelo. Agora, um meio especializado teve acesso a novas e importantes informações a respeito do substituto do Agera.

Koenigsegg Ragnarok é uma das denominações que é considerada para o sucessor do Agera, embora a mídia sueca que faz eco dessas novas informações assegura que o nome ainda hoje é um mistério. Não há nada confirmado. É possível que a denominação Ragnarok seja temporal e utilizada de maneira interna pelos funcionários da empresa. Entretanto, além do nome com o qual possivelmente seja batizado, ficou conhecido o número de unidades que serão fabricadas.

A produção do sucessor do Koenigsegg Agera será limitada a 125 unidades, e segundo a publicação sueca, 72 desses exemplares já têm dono. Mais da metade da produção está vendida. É bastante habitual que este tipo de superesportivos quando são apresentados, sua produção já esteja vendida em sua totalidade ou restem muito poucas unidades disponíveis.

Quanto à parte mecânica, o objetivo traçado pela Koenigsegg em relação a esse novo modelo foi o de deixar muito para trás o Koenigsegg Agera RS. Para isso, se tomará como ponto de partida o motor V8 Twin-Turbo de 5.0 litros utilizado pelo Koenigsegg ONE:1 e que será modificado para alcançar os 1.440 cv. Um aumento de 80 cv em relação à potência gerada pelo mencionado ONE:1.

A Koenigsegg também estabeleceu como premissa, que esse novo modelo seja capaz de melhorar o recorde conseguido pelo Agera RS. Lembrando que esse modelo ostenta o recorde de velocidade para um carro de produção, já que foi capaz de alcançar os 447.24 km/h.

Outra das questões que se comentou em diversos informes é que esse modelo terá uma configuração mais própria de automóveis de corridas para ser conduzido em circuitos.

Autor: PlanetCarsZ