Notícia

19/05/2017 - VOLVO SUSPENDE O DESENVOLVIMENTO DE MOTORES DIESEL

VOLVO SUSPENDE O DESENVOLVIMENTO DE MOTORES DIESEL Imagens e fotos de carro

Como qualquer outro fabricante que comercialize seus modelos no mercado europeu, grande parte das vendas da Volvo correspondem a seus modelos equipados com motores diesel. Os padrões em relação às emissões são cada vez mais restritos e serão ainda mais no futuro, algo que parece estar fazendo com que alguns fabricantes busquem alternativas a seus modelos diesel.

A Volvo tomou a decisão de suspender o desenvolvimento de motores diesel, ou seja, a geração atual desses propulsores será a última que será fabricada. É claro que por trás dessa decisão está o fator econômico, já que o desenvolvimento para conseguir cumprir com as normas antipoluentes que virão com o Euro 6C será muito dispendioso e a marca sueca prefere apostar nos híbridos plug-in. O limite médio de emissões de dióxido de carbono na Europa será reduzido dos atuais 130 g/km a somente 95 g/km em 2021.

No entanto, a Volvo continuará desenvolvendo a geração atual de motores diesel para conseguir cumprir com as futuras normas de emissões, embora essa evolução provavelmente cesse por volta do ano de 2023. Mas o endurecimento das normas terá como consequência uma alta do preço nos modelos equipados com motores diesel, ao ponto que os híbridos plug-in serão mais acessíveis e se transformarão em uma alternativa válida para substituí-los.

Além disso, a marca sueca apostará nos carros 100% elétricos, com seu primeiro modelo chegando em 2019. Entretanto, hoje mais de 50% dos licenciamentos da Volvo na Europa correspondem a motores diesel e 90% dos modelos maiores como o XC90 utilizam esses propulsores.

Autor: PlanetCarsZ