AUTOCAR

A “Autocar Company” iniciou suas atividades com o nome de “Pittsburg Motor Car Company” e foi fundada em 1895 pelos irmãos Clark: Lewis, John y James.

Seu presidente, L. S. Clark (1867-1957), era um jovem engenheiro de automóveis e foi um dos designers em 1897, de um triciclo de três rodas, propulsado por um motor monocilíndrico a gasolina, refrigerado por ar.

Em 1898 fabricam seu primeiro veículo de 4 rodas com carroceria tipo Phaeton e barra de direção.

Em 1899, a empresa se mudou para Ardmore, Pennsylvania, e mudou seu nome para “Autocar Company”.

Em 1900 apresentam um modelo com o primeiro motor americano de 2 cilindros, refrigerado a ar com transmissão por corrente.

Em 1901 já haviam fabricado 27 carros.

O Autocar de 1904 era equipado com uma carroceria tipo tonneau, podia acomodar 4 passageiros e era vendido por 1.700 dólares. O motor montado horizontalmente na parte dianteira do carro produzia 11 cv. Era uma disposição de motor algo insólita para a época. A transmissão era de 3 velocidades. O chassis era de aço, a carroceria de madeira e pesava 760 kg. Os primeiros carros tinham a direção por alavanca.

Em 1905 a empresa colocou à venda o Tipo XII a 2.250 dólares e o Tipo X a 1.000 dólares. Os modelos fizeram com que se interrompesse a produção do Tipo XI, do qual se vendeu o último exemplar nesse mesmo ano. A partir desse momento, os carros dispunham de direção com volante.

O Tipo X era um carro pequeno. Entre os anos de 1905 e 1906 a “Autocar” produziu 1.000 unidades desse modelo.

Em 1907 foi autorizada a fabricação de 500 “Runabout” do Tipo XV no lugar dos 500 modelos “Touring” do Tipo XIV, além dos 1.000 “Runabout” já planejados.

Em uma reunião especial celebrada em 19 de junho de 1906 no número 711 do Arcade Building, em Philadelphia, Pennsylvania, o Conselho autorizou a contratação de um “Gerente Geral” cujo nome era Harry A. Gillis com um salário de 10.000 dólares anuais. Durante uma Reunião da Junta Diretiva em 21 de novembro de 1906, foi autorizada a produção de 300 carros do Tipo XVI e 500 do Tipo XVII.

A insistência de Clarke em colocar o condutor do lado esquerdo do veículo, ajudou a estandardização dessa posição na indústria automotiva de todo o mundo, com o resultado de que na maior parte do mundo conduzimos pelo lado direito da via.

A “Autocar Company” começou a fabricar caminhões em 1907.

Em 1910 foi apresentado o último modelo de carro, um 4 cilindros de 25 cv.

Em 1911 foi encerrada a produção de automóveis e se dedicaram exclusivamente à fabricação de caminhões.

Em 1953, a “White Motor Car Company” absorveu a empresa e tomou o controle da “Autocar”, transferindo a produção para Exton, Pennsylvania.

Em 1980, a Volvo absorveu a “White” e consequentemente ficou com os direitos da marca “Autocar” e os utilizou para fabricar uma linha de caminhões.

Em 2001, a Volvo vendeu a “Autocar” para a “Grand Vehicle Works Holdings”, que segue com a marca para sua linha de caminhões.

Carros Relacionados