CLÉMENT-BAYARD

Depois de sua carreira como fabricante de automóveis com a marca Clément desde 1898, e depois de haver abandonado sua aventura britânica (Clément-Talbot), Gustave Adolphe Clément fundou a empresa Clément-Bayard em 1903. O nome Bayard foi escolhido porque uma estátua do ano de 1521 do ‘Chevalier Bayard’ se erguia em frente de sua fábrica de Mécières, (agora Charleville-Mécières) cidade natal de Clément, inclusive o cavaleiro foi incorporado como emblema à empresa.

Inicialmente, os carros Clément-Bayard que eram produzidos em suas fábricas na França e no Reino Unido eram muito parecidos. Os modelos Clément-Bayard eram exportados para o Reino Unido onde eram comercializados com a marca Talbot.

Em 1907, surgiu o modelo 10/12 cv que foi muito importante. Os carros Clément-Bayard eram fabricados com muita qualidade, e depois da 1ª Guerra Mundial foram produzidos os modelos de 8 cv e 17.6 cv.

Evidentemente, a historia de Clément-Bayard não se limita aos automóveis, já que sua história se estende tanto para dirigíveis como para aviões. Durante a 1ª Guerra Mundial se dedicaram única e exclusivamente à fabricação de material bélico como obuses, motores de aviação, metralhadoras, etc.

Em 1922, o controle da empresa foi assumida por seu amigo André Citroën, que assumiu também a fábrica definitivamente para sua marca. Em 1923 se abandona definitivamente a marca Clément-Bayard. Adolphe Clément morreu em Paris no dia 10 de maio de 1928 aos 73 anos.

Carros Relacionados