AUDI A7 SPORTBACK H-TRON QUATTRO CONCEPT

2015 - AUDI A7 SPORTBACK H-TRON QUATTRO CONCEPT

AUDI A7 SPORTBACK H-TRON QUATTRO CONCEPT imagens e fotos de carros

A Audi estreou ontem o A7 Sportback h-tron quattro concept no Salão de Los Angeles, nos EUA. Não muito diferente do modelo convencional, o estudo do A7 Sportback pretende explorar a tecnologia de célula de combustível a hidrogênio com uma configuração híbrida plug-in. O sistema, também exibido no mesmo salão nos VW Golf SportWagen e Passat HyMotion, consiste em um conjunto de 300 células de combustível posicionadas debaixo do capô, no lugar habitualmente reservado ao motor, apresentando uma membrana polimérica catalítica em ambos os lados. As células de combustível funcionam entre 230 e 360 volt e possuem como auxiliares um turbocompressor que força o ar para dentro das células, um ventilador de recirculação que recupera o hidrogênio não utilizado no ânodo, assim como uma bomba de refrigeração.

Em modo fuel cell, o A7 Sportback h-tron quattro concept (veja o vídeo) utiliza cerca de 1 kg de hidrogênio para cada 100 km, o equivalente a 27 km/l. Os quatro depósitos de combustível proporcionam uma autonomia superior a 500 km, sendo que o abastecimento demora cerca de três minutos. A célula de combustível funciona juntamente com uma bateria de íons de lítio de 8.8 kWh (a mesma do A3 Sportback e-tron) instalada debaixo do piso do porta-malas. Em modo elétrico, tem autonomia para cerca de 50 km. A bateria pode ser recarregada utilizando a energia recuperada na frenagem ou através de uma tomada elétrica (duas horas na bateria de 360 volts e quatro horas na bateria de 230 volts).

O modelo de tração integral possui um motor elétrico em cada eixo, que operam de forma independente, cada um produzindo um máximo de 85 kW (115 cv) e 270 Nm de torque. O concept pesa 1.950 kg, mas apesar disso os 231 cv e 540 Nm de torque permitem-lhe atingir os 100 km/h em 7,9 segundos e uma velocidade máxima de 180 km/h. Os responsáveis da Audi informaram que o modelo poderá avançar para produção nos próximos anos.