AUDI RS4 AVANT NOGARO

2014 - AUDI RS4 AVANT NOGARO

AUDI RS4 AVANT NOGARO imagens e fotos de carros

Há vinte anos, o Audi Avant RS2, precursor da dinâmica família RS, foi apresentado pela primeira vez. A Audi lança agora uma edição especial de seu modelo atual. O RS 4 Avant Nogaro selection estará disponível em breve e sua apresentação mundial ocorrerá, no início de março, no Salão do Automóvel de Genebra, com pintura especial em azul Nogaro e equipamento exclusivo.

A pintura especial azul Nogaro, com efeito perolizado, é o indicador visual mais saliente do modelo comemorativo e também uma lembrança do RS2. A moldura e a grade Singleframe, assim como os frisos das janelas, são pintadas de preto em alto brilho, enquanto os trilhos sobre o teto são preto fosco. O sistema de escapamento esportivo RS termina em duas ponteiras ovais com acabamento em preto com alto brilho também.


331 kW (450 hp): um V8 de alta rotação

Sob o capô do Audi RS 4 Avant Nogaro selection está um motor V8 aspirado de alta rotação, com 4.163 cm³ de cilindrada. O 4.2 FSI entrega 450 hp de potência a 8.250 rpm e o torque máximo de 430 Nm está disponível entre 4.000 e 6.000 rpm. O ressonante motor de oito cilindros acelera o modelo especial de 0 a 100 km/h em 4,7 segundos, a caminho da velocidade máxima, que é limitada em 280 km/h. O consumo combinado (cidade e estrada) de combustível é de 9,35 km/l, com emissão de CO2 equivalente a 249 gramas por quilômetro.

Junto a esta eficiência e alta rotação, a transmissão de série S tronic de sete marchas também contribui para o baixo consumo de combustível. O condutor pode deixar a rapidíssima transmissão de dupla embreagem operar automaticamente ou fazer as trocas de marchas pessoalmente, utilizando a alavanca ou as borboletas junto ao volante.

O coração do sistema quattro de tração integral permanente é o diferencial central com coroa autotravante. O componente compacto e leve distribui o torque entre os eixos dianteiro e traseiro numa proporção inicial de 40:60. Esta proporção pode variar amplamente conforme necessário, com até 70 por cento da força dirigida para a frente ou um máximo de 85 por cento para as rodas traseiras. O diferencial central com engrenagem tipo coroa colabora com o controle de torque seletivo para cada roda, que torna a dirigibilidade nas curvas feitas no limite ainda mais dinâmica por meio de pequenas intervenções seletivas dos freios. A Audi oferece o diferencial esportivo, que distribui de forma ativa o torque entre as rodas traseiras, como acessório opcional.

O equipamento de série do Audi RS 4 Avant Nogaro selection também inclui o sistema Audi drive select dynamic driving. Esse sistema permite a opção entre três modos de condução - comfort, auto e dynamic -, alterando as características da direção com assistência eletromecânica, o câmbio S tronic de sete marchas, o acelerador e até mesmo o sistema de escapamento esportivo RS. Se o carro for equipado com o sistema de navegação Audi MMI, há ainda um quarto modo - o individual - que pode ser configurado pelo motorista.

Além do diferencial esportivo, dois outros elementos opcionais para o Audi drive select estão disponíveis. A direção dinâmica altera sua relação de acordo com a velocidade e contraesterça automaticamente com pequenos impulsos quando as curvas são percorridas no limite. A firme suspensão esportiva RS plus, com Dynamic Ride Control (DRC - controle dinâmico de condução) equaliza a rolagem e inclinação longitudinal por meios estritamente mecânicos.

O Audi RS 4 Avant Nogaro selection anda sobre pneus 265/30. Por trás das rodas brilhantes de 20 polegadas com cinco raios em V, se destacam as pinças de freios vermelhas ostentando o emblema RS. Os freios a disco com bordas onduladas são ventilados internamente, perfurados e unidos às câmaras de alumínio por pinos. A pedido, a Audi pode instalar discos de fibra de carbono e cerâmica no eixo dianteiro. O Controle Eletrônico de Estabilização (ESC) dispõe de um modo esportivo e pode ser inteiramente desativado, caso desejado.


Preto e azul: o interior

Para o interior esportivo preto, a Audi oferece duas versões de estofamento para os bancos esportivos S com apoios de cabeça integrados. Nos dois casos, as seções laterais são cobertas de couro preto Valcona. As fibras sintéticas Alcantara das seções centrais e painéis das portas podem ser pretas ou azul Nogaro, mais uma homenagem ao Audi Avant RS2. Os apoios de braços são recobertos de couro preto, com costura pespontada em azul contrastante para maior realce. Filetes pretos ou azul Nogaro emolduram os tapetes.

Couro preto com costura azul também decora o aro do volante e a empunhadura da alavanca do câmbio. Fios azuis correm através dos insertos de carbono para dar a eles um brilho muito especial. Um distintivo na empunhadura da alavanca seletora RS do S tronic e os logotipos nas soleiras das portas remetem ao status especial do modelo comemorativo.


Um clássico moderno: o Audi Avant RS2 1994

O Audi RS2 1994 foi o primeiro modelo RS da Audi e também o primeiro modelo da alto desempenho da marca a combinar plena capacidade para o uso diário com um caráter dinâmico, vindo a tornar-se o fundador de toda uma família de dinâmicos modelos. A Audi desenvolveu o RS2 com a colaboração da Porsche, com a montagem do modelo feita em Stuttgart-Zuffenhausen.

A aparência já era um indicador da força do primeiro modelo RS. O para-choque dianteiro apresentava poderosas entradas de ar e a grade era pintada de preto. Os espelhos externos eram da Porsche, a traseira, assinalada por uma faixa luminosa em toda a sua largura e os emblemas, superdimensionados. O RS2 podia deixar a linha de montagem opcionalmente com a exclusiva pintura azul Nogaro, lembrando as duas vitórias conquistadas por Frank Biela no circuito de Nogaro, no Campeonato Francês de Carros de Turismo de 1993.

O motor incorporava toda a experiência da Audi nas categorias de turismo. O motor 2,2 litros com cinco cilindros tinha 315 hp, graças a um grande turbocompressor, alta pressão de alimentação, dutos de ar alargados e gerenciamento do motor especialmente adaptado. A 3.000 rpm, 410 Nm de torque estavam disponíveis e o limitador só entrava em ação a 7.200 rpm. O RS2 acelerava de 0 a 100 km/h em 5,4 segundos e atingia velocidade máxima de 262 km/h. Uma transmissão manual de seis marchas levava a força até o sistema quattro de tração, que contava com um diferencial com acionamento manual no eixo traseiro.

A suspensão, independente nas quatro rodas e com braços transversais, derivava da usada no modelo base, o Audi S2. Os amortecedores eram ainda mais firmes e as molas, encurtadas. A Porsche fornecia as rodas de 17 polegadas, os grandes discos de freios com ventilação interna e as pinças de quatro pistões pintadas de vermelho.

O interior era dominado por couro Silk Nappa e Alcantara na cor Antracite, azul ou cinza prata. Os bancos Recaro tinham ajustes elétricos. Os instrumentos tinham mostradores brancos, enquanto pequenos indicadores no console central mantinham o motorista informado sobre a pressão e temperatura do óleo e voltagem do sistema do veículo. Insertos de fibra de carbono eram oferecidos como opcionais.

Em dois anos de produção, foram manufaturadas 2.908 unidades do Audi RS2, mais do que havia sido planejado inicialmente.