BMW 7 SERIES 745e

2020 - BMW 7 SERIES 745e

BMW 7 SERIES 745e imagens e fotos de carros

A marca alemã revelou em janeiro uma atualização do BMW Série 7, que corresponde a um refresco de meio ciclo de vida ou como costuma denominar a marca alemã, Life Cycle Impulse ou LCI. Esse facelift mostrou consideráveis novidades no plano estético, como certos retoques nos para-choques, novas ópticas (tanto dianteiras como traseiras) e a polêmica nova grade dianteira.

Esta é sem dúvida alguma a principal característica dessa renovação do grande sedan da BMW, ou pelo menos a mais midiática. Pois as redes se encheram imediatamente de renders e memes ironizando sobre o tamanho desse novo elemento. Sem querer entrar em polêmicas ou discussões sobre gostos, a verdade é que a grade dianteira do renovado Série 7 agora conta com um tamanho notavelmente superior à que montava seu antecessor, seguindo o mesmo esquema e desenho do recém-apresentado BMW X7.

A marca alemã acaba de apresentar as novas versões híbridas plug-in da Série 7, as versões 745e, que estarão disponíveis nas duas versões de carroceria do modelo e com opção de tração traseira ou total. Mas todas elas compartilhando o mesmo conjunto mecânico híbrido plug-in.

O esquema mecânico dos novos BMW 745e é composto por um motor a gasolina de 6 cilindros em linha que conta com 285 cv, ao qual se soma um novo motor elétrico que está integrado na transmissão automática Steptronic de 8 velocidades e que entrega outros 113 cv. A potência total combinada fica em 394 cv e 600 Nm de torque máximo, mas os novos 745e só chegam a esse número quando é ativado o modo de condução Sport.

Graças a esse esquema mecânico híbrido, o novo BMW 745e é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 5.2 segundos. Essa cifra sobe até os 5.3 segundos no caso da versão de chassi longo, o novo BMW 745Le, e desce até os 5.1 segundos no caso da versão 745Le xDrive de tração total. A velocidade máxima de todas as versões é limitada eletronicamente a 250 km/h.

Além do novo esquema mecânico, as versões 745e estreiam um novo pack de baterias de lítio de 12 kWh, que estão situadas debaixo do banco traseiro e lhe permitem uma autonomia máxima em modo elétrico entre 50 e 58 quilômetros, em função da versão escolhida.

Quando o modo de condução Hybrid é selecionado, os novos BMW 745e são capazes de circular com seu motor elétrico até uma velocidade máxima de 110 km/h, o que significa 20 km/h a mais que seu antecessor. E se for selecionado o modo Eletric, a velocidade máxima passa a ser de 140 km/h. Todas as versões 745e contam de série com 3 modos de condução: Hybrid, Electric e Battery Control.

Todas as versões do novo Série 7 híbrido plug-in estarão disponíveis na Europa e na América do Norte a partir do segundo trimestre e contarão com os mesmos opcionais que o resto da linha, incluindo o pacote M Sport Package, que inclui novos para-choques mais agressivos e rodas de maior tamanho.