HONDA CIVIC DEEP ORANGE 9

2018 - HONDA CIVIC DEEP ORANGE 9

HONDA CIVIC DEEP ORANGE 9 imagens e fotos de carros

A Honda continua trabalhando em seus planos de eletrificação. Durante os próximos anos a linha do fabricante japonês incorporará diversas opções de mobilidade elétrica. Um claro exemplo temos com a chegada do novo Honda CR-V Hybrid, a esperada versão híbrida do crossover da marca. No entanto, e enquanto a empresa prossegue seu caminho a um ritmo lento, mas constante, nos Estados Unidos foi concebido um autêntico monstro sobre rodas, eletrificado e baseado no compacto do fabricante japonês.

Batizado como Deep Orange 9, trata-se do resultado de dois anos de árduo trabalho por parte de um grupo de 19 estudantes da Universidade de Clemson, na Carolina do Sul. Partindo da base do Honda Civic Sedan, esses universitários converteram o compacto da Honda em um carro híbrido e projetado para disputar corridas de Rallycross.

A principal meta determinada por esse grupo de estudantes foi a de conceber um automóvel de desempenho muito elevado, mas que por sua vez contasse com emissões reduzidas. Embora a Honda não estivesse envolvida de maneira direta no projeto, deu apoio para o que estava desenhado no papel pudesse materializar-se em um automóvel híbrido funcional, o Deep Orange 9.

Esteticamente apresenta uma grande quantidade de diferenças em relação ao Honda Civic Sedan que pode ser encontrado nos concessionários. Muitos dos traços mostrados pelo modelo japonês e que são associados a um veículo de rua são coisa do passado. Além de um importante kit de carroceria, equipa inúmeros componentes focados no mundo da competição. Um sistema de freios de rendimento superior, o enorme aerofólio traseiro fixo e inclusive um habitáculo com uma configuração própria de carros de corridas.

Além da imagem apresentada e das modificações interiores, o que é verdadeiramente importante é a radical parte mecânica. Debaixo do capô se encontra um motor a gasolina de 2.0 litros sobrealimentado com quatro cilindros, cuja potência é enviada ao eixo traseiro e que se combina com um motor elétrico que impulsiona o eixo dianteiro. O motor a combustão desenvolve 406 cv, enquanto que o elétrico oferece 203 cv.

Graças a essa configuração mecânica é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em pouco mais de 2 segundos. O sistema de recuperação de energia durante a frenagem é usado para recarregar o pacote de baterias que alimenta o motor elétrico. Por último e não menos importante, os criadores do Deep Orange 9 destacam também a nova suspensão que foi instalada, assim como o sistema de tração total.