JEEP GRAND CHEROKEE TRACKHAWK

2018 - JEEP GRAND CHEROKEE TRACKHAWK

JEEP GRAND CHEROKEE TRACKHAWK imagens e fotos de carros

Algumas marcas do grupo FCA decidiram adiantar algumas novidades importantes que serão apresentadas no Salão de New York 2017. Foi revelada a primeira imagem completa do novo Dodge Challenger SRT Demon e agora surgem as imagens e os primeiros dados do novo Jeep Grand Cherokee Trackhawk, que passa a ser o SUV mais potente do mundo.

Não existe nenhum fabricante que ofereça um SUV com o número de potência do Grand Cherokee Trackhawk: 717 cv. O Mercedes-AMG G 65 desenvolve 630 cv, enquanto que os BMW X5 M e o Porsche Panamera Turbo ficam atrás do G 65.

Esse espetacular número de potência deve-se a introdução do motor V8 de 6.2 litros sobrealimentado que é utilizado nas versões Hellcat da Dodge, que entrega 717 cv e 875 Nm de torque máximo. Isso permite ao Grand Cherokee Trackhawk acelerar de 0 a 96 km/h (60 mph) em somente 3.5 segundos e realizar o quarto de milha em 11.6 segundos, atingindo uma velocidade de 186 km/h. Sua velocidade máxima é de 280 km/h.

Mas essa nova versão da linha Cherokee não é só motor, já que equipa enormes freios a disco com pinças de 6 pistões na dianteira e quatro na traseira assinadas pela Brembo, o que lhe permite frear no seco desde os 100 km/h em 35 metros.

Uma diferença muito importante em relação aos outros modelos equipados com o motor V8 Hellcat é a transmissão automática Torqueflite de 8 velocidades, que no caso do Jeep dispõe de um modo Track em que as mudanças são realizadas em somente 160 milissegundos. As rodas são de 20 polegadas em ambos os eixos e podem montar rodas de alumínio fundido ou forjado.

Esteticamente não é simples distingui-lo do Cherokee SRT8, pois são muito parecidos. As únicas diferenças palpáveis são as novas entradas de ar dianteiras, que são funcionais. Uma delas serve para refrigerar o motor, enquanto que a outra é utilizada para refrigerar o sistema de lubrificação.

Além das novas entradas de ar, o Grand Cherokee Trackhawk dispõe de 4 saídas de escape na cor preta, no lugar das duas que vimos nos protótipos de testes, e os emblemas ‘Trackhawk’ e ‘Supercharged’ em várias partes da carroceria.

O interior oferece a melhor configuração disponível da linha Grand Cherokee, com uma tela táctil de 8.4 polegadas para o sistema de infotainment, que é compatível com Apple CarPlay e Android Auto. Como novidades surgem as funcionalidades de visualização de rendimento. Após sua apresentação em New York, sua comercialização não acontecerá até o último trimestre de este ano.