MINI COOPER S

2015 - MINI COOPER S

MINI COOPER S imagens e fotos de carros

Inspirado no MINI de primeira geração (2001), o novo MINI hatch chega ao mercado nacional com design ainda mais sofisticado e moderno, melhor desempenho, aliados ao baixo consumo de combustível e alta conectividade com o motorista. Lançado no momento em que a marca comemora cinco anos de atuação no Brasil, o novo modelo estará disponível na rede de concessionárias MINI a partir deste mês, com duas motorizações: Cooper e Cooper S.

O novo MINI teve a tecnologia de suspensão amplamente revisada, o peso reduzido e maior rigidez, trazendo uma intensificação da sensação de “GO-Kart feeling”, típica dos modelos da marca. A direção eletromecânica também foi aperfeiçoada e traz Servotronic de série. O modelo conta ainda com Controle Dinâmico de Estabilidade (DSC), como item de fábrica, Controle Dinâmico de Tração (DTC) e Controle Eletrônico da Trava do Diferencial (EDLC).

A motorização Cooper consiste em um motor 1.5l TwinPower Turbo a gasolina, de 3 cilindros que gera 136cv de potência. Já a versão Cooper S será equipada com motor 2.0l TwinPower Turbo a gasolina de 4 cilindros, que gera 192cv de potência, ambos equipados com a nova transmissão automática, de seis velocidades. No segundo semestre, ainda sem data definida, a versão One chegará ao mercado nacional, equipada com motor 1.2l TwinPower Turbo a gasolina de 3 cilindros, que gera 102cv de potência e conta com transmissão mecânica de seis velocidades.

Mostrando a preocupação constante da MINI com o meio ambiente, o modelo agora conta com o sistema Auto Start/ Stop, evitando o consumo de combustível desnecessário ao motor em marcha lenta, durante o trânsito congestionado.

O modelo chega ao país com muitos atrativos. Um deles é o botão liga/desliga, que dispensa o uso da chave para dar a partida no motor. Basta manter a chave no interior do carro e pressionar o botão, que se ilumina em luz vermelha e liga o motor. Além dessa mudança, podem-se destacar ainda os seguintes aprimoramentos:

Mais espaço

O novo MINI ganhou 98 milímetros no comprimento, 26 milímetros na largura, 12 milímetros na altura e 28 milímetros no entre-eixos, se comparado ao modelo anterior. Entre as alterações, os bancos trazem novo design com melhor ajuste na dianteira e superfície mais ampla de assento na traseira, o que proporciona mais espaço para os pés e ombros. O volume do porta-malas foi ampliado em 51 litros, totalizando 211 litros.

Novos modos de condução

Por meio de uma chave seletora na alavanca de câmbio, o motorista do novo MINI tem a possibilidade de escolher entre dois modos de condução, além da configuração padrão MID. A opção dos modos influencia a curva característica do acelerador e da direção, assim como o tempo de mudança de marcha da transmissão automática e a Suspensão Adaptativa no qual estes recursos estão integrados. Para uma direção mais agressiva, basta ativar o modo SPORT. Já para uma condução com foco na eficiência energética, o modo GREEN é a melhor escolha, apresentando, inclusive, uma função para andar desengrenado com o sistema de transmissão desengatado, trazendo economia de combustível e baixa emissão de poluentes.

Tecnologia de ponta

Alta tecnologia é uma das características do modelo que foi mantida. O novo MINI foi equipado com itens como: o inédito Head-Up Display de tela colorida, que mostra velocidade, instruções de navegação e funções do veículo; tela de 8,8 polegadas colorida de alta definição; Sistema de Navegação MINI Professional, MINI Connected, ar-condicionado automático digital de duas zonas; faróis Full LED com anel de iluminação, suspensão adaptativa, MINI Driving Modes que ajustam as características do motor, direção e suspensão do veículo de acordo com o desejo do condutor, MINI Driving Assistant, que trás piloto automático adaptativo, aviso de colisão frontal,assistente de farol alto, entre outros.

“Este é o lançamento mais importante da marca neste ano. Nesse momento celebramos cinco anos de atuação bem sucedida no mercado nacional, com crescimento constante nas vendas de nossos produtos a cada ano. Estou certa de que o Novo MINI reforça ainda mais o nosso portfólio, consolidando nosso negócio no país“, afirma Nina Dragone, diretora da MINI Brasil.

O novo MINI está disponível na rede de concessionários MINI a partir do mês de junho. O modelo com motorização Cooper chega ao mercado com preço a partir de R$ 89.950,00 enquanto o MINI Cooper S (com navegação) chega a partir de R$113.950,00 e no mês de agosto o MINI Cooper S (sem navegação) chegará a partir de R$ 107.950,00.


NOVO MINI COOPER É REVELADO ANTES DA ESTRÉIA OFICIAL EM LOS ANGELES

Com previsão para estrear no Salão do Automóvel de Los Angeles no início da próxima semana e nas concessionárias do Reino Unido nos primeiros meses de 2014, a nova geração do clássico inglês acaba de ser revelada na fábrica da empresa em Oxford. Cada vez maior, o carro recebe alterações estéticas suaves, mantendo os contornos clássicos. As principais novidades são os motores e transmissões, incluindo um motor de 1.5 litros de 3 cilindros e 134 cv. Apesar de parecer muito com a geração atual, segundo a marca, o projeto é completamente novo.

A carroceria cresce 92 mm, atingindo 3,821 metros de comprimento. As outras dimensões aumentam alguns centímetros. A largura agora é de 1,727 mm e a altura de 1,414 mm. Medidas maiores no exterior permitem ao novo MINI COOPER oferecer maior espaço interno para os ocupantes e para as bagagens: o porta-malas aumenta em 30%, atingindo 211 litros.

O novo desenho da parte frontal é mais agressivo e imponente, o que se repete na lateral, com vincos fortes e linha de cintura elevada. Na traseira as lanternas são maiores e os vincos são mais pronunciados. É o primeiro carro da categoria a contar com faróis e lanternas totalmente em LED. Seu interior mantém o circulo ao centro do painel, que abriga uma tela multifuncional. O acabamento melhorou e todos os elementos ganharam novo desenho.

Sob o capô a versão de entrada do MINI COOPER conta com o 3 cilindros 1.5 litros de 134 cv e 22,4 kgfm de torque. Com isso o consumo médio de gasolina é de bons 22,7 km/l, com emissões de CO2 na casa dos 105 g/km rodados. A próxima versão da gama é equipada com um diesel quatro cilindros 1.5 litros de 114 cv e 27,5 kgfm, com emissões de 95 g/km rodado e consumo médio de 25,6 km/l.

A versão MINI COOPER S conta com motor 2.0 litros a gasolina, de quatro cilindros, 189 cv e 28,8 kgfm. Neste caso as emissões de CO2 são de 133 g/km e o consumo é de 17,85 km/l. A transmissão é manual de seis velocidades de série, com opção automática também de seis marchas. Quem optar pela caixa automática terá ainda uma variação esportiva, que realiza a troca mais rapidamente e conta com o paddle shift. Em breve novas motorizações serão oferecidas, uma menor, no Mini One, e outras mais potentes como o diesel do Cooper SD e o motor a gasolina do MINI Cooper JCW. Na lista de equipamentos, rodas de 15 polegadas para as versões de entrada, 16 para os S e as opcionais de tamanhos maiores, até 18 polegadas. 

O valor do compacto nas lojas britânicas partirá de 15.300 libras esterlinas (aproximadamente R$ 56 mil). A chegada da nova geração a outros mercados ainda não tem data definida.