NISSAN TRAIL RUNNER CONCEPT

1997 - NISSAN TRAIL RUNNER CONCEPT

NISSAN TRAIL RUNNER CONCEPT imagens e fotos de carros

Embora jamais passasse da fase de protótipo, a Nissan teve uma visão há mais de 20 anos daquilo que acabaria sendo uma tendência tanto para os fabricantes de automóveis como para o mercado em si. Antes inclusive de que o Nissan Qashqai chegasse e revolucionasse o conceito dos crossovers, existiu um estudo de design que propunha uma combinação de segmentos, bem à frente de seu tempo: o Nissan Trail Runner Concept.

Revelado no Salão de Tokyo 1997, o Trail Runner Concept era um autêntico coupe que recebia o necessário para converter-se em um crossover. A Nissan propunha o concept de um crossover coupe há mais de duas décadas. Cumpria com as características de ambos os segmentos e as combinava para criar um concept de veículo nunca antes visto. Apesar de as marcas Premium chegarem com os SUVs coupe no final da década passada, não são tão puros como o protótipo do fabricante japonês.

Atualmente, um SUV de estilo coupe é aquele em que sua linha de teto apresenta uma caída que se funde com o porta-malas, criando um falso terceiro volume que lembra as linhas de um coupe. No entanto, conservam sua configuração de cinco portas, continuam sendo um SUV no que geralmente se baseiam e seguem oferecendo o espaço interior. Exemplos disso podemos apreciar em propostas como o novo Audi Q8 e o BMW X4, entre muitos outros.

Mas em primeiro lugar o Nissan Trail Runner Concept de 1997 era um coupe. Equipava um sistema de tração nas quatro rodas e um kit de suspensão elevada que lhe dava uma folgada altura livre do solo, oferecendo assim uma alta capacidade off-road. Impulsionado por um motor de quatro cilindros e 1.8 litros, oferecia 185 cv que eram enviados às quatro rodas através de uma transmissão automática CVT.

Em termos de design, o concept car da Nissan apresentava linhas angulosas, com marcados arcos de roda, um duplo aerofólio traseiro (o segundo de generosas dimensões), protetores de alumínio nas partes baixas da carroceria e saídas de escape integradas no para-choque traseiro. Talvez o detalhe mais chamativo do Trail Runner seja o estepe integrado na parte traseira, ao qual se podia acessar através de uma espécie de gaveta deslizante.

Por outro lado, o interior era uma combinação de detalhes em amarelo e preto, interruptores e grafias clássicos dos carros dos anos 90 do século passado. Contava com uma configuração de quatro lugares e apresentava um porta-malas de bom tamanho, apesar das suas linhas. O Nissan Trail Runner Concept provavelmente se tornou, talvez sem saber, um precursor desse tipo de veículos, embora sendo a base um coupe e não um SUV, como ocorre atualmente.