PEUGEOT RIFTER

2019 - PEUGEOT RIFTER

PEUGEOT RIFTER imagens e fotos de carros

Durante os últimos dias fomos conhecendo a renovação completa da linha de furgões leves LAV (Light Activity Vehicle) do Grupo PSA. Tudo começou na semana passada com a estreia do Citroën Berlingo 2019, e no início desta mesma semana do Opel Combo 2019. O terceiro integrante deveria ser o novo Peugeot Partner, mas a surpresa maior foi a decisão da mudança da sua denominação para Peugeot Rifter.

Portanto, a terceira geração do Partner se chamará Rifter. A Peugeot não deu maiores explicações sobre a mudança de nome, que é a principal novidade no novo modelo que deverá estrear no Salão de Genebra 2018. Como nos outros dois veículos do grupo francês, o Rifter compartilha plataforma e muitos dos elementos com os outros dois furgões, embora neste caso mantenha um desenho característico da marca do leão.

Assim como no Opel Combo e no Citroën Berlingo, o modelo da Peugeot estará disponível com dois comprimentos de carroceria, 4.40 e 4.75 metros, assim como uma versão com cinco e outra com sete lugares, cujos dois lugares traseiros podem deslizar-se para frente e para trás, assim como dobrar-se mediante o sistema Magic Flat. Em relação à capacidade, na versão de cinco lugares o porta-malas acomodará até 775 litros, mas se a escolha for a versão de sete lugares, a capacidade volumétrica a plena carga - com todos os assentos dobrados - chegará até os 4.000 litros.

Além disso, também surgem diferentes compartimentos porta-objetos, como o do teto com 14 litros, que pode ser acessado inclusive a partir do porta-malas. Outra das novidades do novo Peugeot Rifter é o sistema de tração total desenvolvido com a Dangel, enquanto que a linha de motores será composta por um 1.2 PureTech de 110 cv com transmissão manual de cinco velocidades e uma versão de 130 cv disponível com transmissão automática de oito relações.

Em relação aos motores diesel, o novo Rifter oferece três configurações diferentes do mesmo motor 1.5 BlueHDi. Em uma versão de acesso com 75 CV e transmissão manual, a meio caminho uma versão de 100 cv com a mesma transmissão de cinco velocidades, e como topo da linha uma versão com 130 cv que pode ser combinada com uma transmissão manual de seis velocidades ou a mencionada automática de oito relações.

Outra novidade apresentada pelo Peugeot Rifter é o acabamento GT Line que está disponível exclusivamente com a cor exterior ‘Quente Brown’, rodas de 17 polegadas e as insígnias ‘GT Line’ com acabamento em cobre. O interior mostra um estofamento específico e um quadro de instrumentos com um desenho em quadros, que ressalta sobre a última versão do i-Cockpit da Peugeot acompanhado de uma tela táctil de 8.0 polegadas.

Em relação a tecnologia, o furgão leve da Peugeot também inclui o sistema grip control junto ao assistente de partida em rampas, advertência de saída de faixa ativa, frenagem de emergência, controle de cruzeiro adaptativo, monitoramento do ponto cego, reconhecimento de sinais de trânsito, luzes de estrada automáticas e um sistema de advertência ao condutor que controla os gestos mediante câmeras e o avisa com sinais sonoros e luminosos.



21/02/2018

PEUGEOT RIFTER: A NOVA GERAÇÃO DO PARTNER MUDA DE NOME