VOLKSWAGEN GOLF GTI

2017 - VOLKSWAGEN GOLF GTI

VOLKSWAGEN GOLF GTI imagens e fotos de carros

O Volkswagen Golf já está na estrada nada menos que 42 anos, e geração após geração, soube adaptar-se aos tempos, mostrando-se sempre como um dos modelos mais equilibrados do segmento compacto e um dos modelos mais vendidos de todos os tempos. E agora surge com sua nova atualização.

Como esperado, as mudanças em seu design exterior são mínimas, com poucas alterações. Uma receita compreensível, pois se algo funciona bem, não deve ser mexido. Onde surgem melhorias é no nível de equipamento, nos sistemas de ajudas à condução, no sistema de infotainment e também na linha mecânica, que estreia novos motores.

As mudanças exteriores são muito poucas. As principais diferenças em relação ao Golf atual chegam através de para-choques redesenhados, faróis dianteiros Full LED (opcionais) com novas formas em seu interior e luzes diurnas integradas, lanternas traseiras com mudanças muito leves incluindo iluminação LED e novos desenhos de rodas. Como curiosidade, os piscas são progressivos. As mudanças exteriores foram muito contidas, mas o melhor dessa atualização se encontra no interior, sem dúvida.

No interior, a linha geral de design segue sendo a mesma do seu antecessor. No entanto, surgem detalhes e mudanças muito importantes. Como, por exemplo, o Virtual Cockpit de 12.3 polegadas. O Volkswagen Golf pode incorporar pela primeira vez o quadro de instrumentos totalmente digital estreado pelo Audi TT no momento do lançamento de sua terceira geração e que desembarcou na Volkswagen junto com o Passat.

No console central se destaca a possibilidade de contar com uma grande tela de 9.2 polegadas e alta qualidade com controle mediante gestos manuais no ar, similar o mostrado há quase dois anos pelo protótipo Volkswagen Golf R Touch no CES, o que lhe torna no primeiro modelo compacto a oferecer operações de controle gestuais, que se encarrega de manejar praticamente todos os ajustes e controles do veículo, menos o climatizador, que segue controlado por botões físicos.

Também contará com múltiplos sistemas de conectividade como o MirrorLink, Apple Carplay, Android Auto, Car-Net e chamada de emergência no caso de acidente. Em relação às assistências à condução, o novo compacto alemão melhorará sua oferta, destacando especialmente o Lane Assist até 50 Km/h, que será fenomenal em congestionamentos. Também contará com o Front Assist, sensor de ângulo morto, assistente de saída de estacionamento, assistente de reboque e um curioso sistema de parada de emergência que detecta se o condutor não presta atenção na condução, denominado Emergency Assist.

Entre outros opcionais também se destacam as chaves com ID. Cada condutor guarda em sua chave uma configuração do veículo, logo, cada vez que se abre o Golf, os ajustes se adaptam à configuração que esse condutor havia pré-determinado.

Em relação aos motores, o Volkswagen Golf estreará o esperado motor 1.5 TSI EVO, que presume ser mais eficiente e limpo que seus antecessores da linha gasolina, mantendo a injeção direta de combustível em alta pressão e a sobrealimentação com turbo. Para reduzir sua contaminação incorpora um novo catalisador em seu sistema de escape. Desenvolverá uma potência de 150 cv e 250 Nm de torque, enquanto que contará com desativação de cilindros quando a demanda de potência for baixa. Todas essas novidades lhe permitem anunciar 20,4 km/l de consumo médio.

A Volkswagen oferece também outro bloco 1.5 TSI em uma versão menos potente, o BlueMotion de 130 cv e 200 Nm. Surpreende que no modo ‘coasting’, esse motor desliga completamente no lugar de ficar ao relento. Segundo a Volkswagen, isso lhe permite economizar por volta de 0,4 litros a cada 100 quilômetros, situando seu consumo em 21,8 km/l.

O ponto forte da linha é o Volkswagen Golf GTI. Atualmente está disponível com 220 e 230 cv para a versão Performance, mas isso mudará depois da atualização. O motor 2.0 TSI do Golf GTI passa a render 230 cv, enquanto que o GTI Performance também aumenta para situar-se em nada menos que 245 cv.

A Volkswagen também informa que está eliminando a transmissão automática DSG de seis velocidades, estreando uma nova transmissão de sete relações que reduz o consumo em aproximadamente 10%.

A Volkswagen también anunciou que haverá um Volkswagen e-Golf cuja autonomia rondará os 300 km com uma só carga, sendo que todos eles serão apresentados oficialmente ao público no Salão de Los Angeles.