VOLKSWAGEN GOLF R TOUCH CONCEPT

2015 - VOLKSWAGEN GOLF R TOUCH CONCEPT

VOLKSWAGEN GOLF R TOUCH CONCEPT imagens e fotos de carros

A Volkswagen apresentou o primeiro protótipo compacto com controle por gesticulação, totalmente equipado com os sistemas de controle do futuro. Nesse carro, o alto desempenho do computador de bordo, a luminosidade dos mostradores atuais e o reconhecimento preciso de gestos humanos foram reunidos numa nova geração de interface. Um simples movimento de mão no espaço à frente do display central do Golf é suficiente para que homem e máquina interajam como uma unidade através do controle por meio de gestos.

Seguindo uma estratégia consistente, a Volkswagen está ampliando seu conceito de controle intuitivo do automóvel para além das telas de toque, entrando na terceira dimensão. O fato de ser a Volkswagen quem está obtendo em primeiro lugar este novo nível de controle não é uma mera coincidência: é o resultado lógico de uma estratégia inteligente.

Filosofia de operação da Volkswagen

Operação intuitiva. A Volkswagen trabalhou para criar controles e informações intuitivos, organizados com clareza. Isto se aplica totalmente ao futuro das interfaces. No final do século passado, já era evidente que a densidade de informações nos automóveis iria crescer exponencialmente. Com isso, uma abrangente estratégia de operações para o usuário teria que ser desenvolvida para não sobrecarregar os motoristas no futuro. Cada vez mais, os sistemas operacionais de amanhã terão que permitir mais diversão do que nunca dentro do automóvel através de bibliotecas de mídia, informações, notícias e comunicação.

Esses são os requisitos para o amanhã. A operação de dispositivos de infotainment ainda mais complexos e seus menus terão, por isso, que ser organizados claramente e permanecer fácil de compreender, ao mesmo tempo em que continuará projetando uma imagem de altíssima qualidade. Para chegar a este objetivo, a Volkswagen reuniu uma equipe interdisciplinar de designers, especialistas em ergonomia e técnicos em eletrônica. Eles desenvolveram sistemas com interação direta. É por isso que a Volkswagen optou, anos atrás, pela tela de toque. Controles indiretos não são encontrados nos carros da Volkswagen. O resultado é que a marca é, há bastante tempo, um modelo para a indústria no tocante a interfaces com o usuário. Isto continuará acontecendo no futuro, como a Volkswagen mostrou com o Golf R Touch apresentado no CES (Consumer Electronics Show) 2015 em Las Vegas, Estados Unidos.

Operação sem interruptores. A equipe de desenvolvimento do Golf R Touch teve como objetivo desenvolver um conceito de interior e infotainment capaz de atender a requisitos aparentemente contraditórios. Apesar da contínua e crescente complexidade e quantidade de funções, ele teve como objetivo diminuir a distração do motorista, permitindo ao mesmo tempo o máximo de personalização e operação intuitiva do carro. Foi criado um veículo em que quase todos os controles são executados através de telas de toque e touchpads - um cockpit quase sem a presença de interruptores.

O Golf R Touch é equipado com três displays: a tela sensível ao toque com 12,8 polegadas do sistema de infotainment (resolução 2.560 x 1.700 pixels), um Centro de Controle (8 polegadas com resposta ao toque) localizado logo abaixo para as funções do veículo, controle de climatização e mídia (resolução  800 x 480 pixels) e um Active Info Display (mostrador de informações ativo) com instrumentos digitalizados, com 12,3 polegadas (resolução  1.920 x 720 pixels).

Um destaque do novo Golf R Touch são os seus novos controles. O módulo de teto, por exemplo, mostra um símbolo na tela assim que uma mão se aproxima dele. Quando o usuário toca a superfície, um menu é apresentado simultaneamente na tela de toque de 12,8 polegadas do sistema de infotainment com várias opções, como “abrir/fechar o teto solar”. Um ponto chave é que importantes funções do teto agora podem ser acessadas e controladas diretamente por um gesto no espaço à frente do painel de controle. Um movimento no sentido do para-brisa, por exemplo, é usado para fechar o teto solar, enquanto um gesto para longe do mesmo irá fechá-lo.

A regulagem dos bancos também é operada de forma inteligente. Assim que uma mão se movimenta na lateral do banco do motorista ou do passageiro da frente, é reconhecida pelo sistema de detecção de proximidade dos controles dos bancos.  Na grande tela de toque, são apresentadas dicas e informações sobre os controles a serem utilizados. Naturalmente, os bancos podem ser totalmente controlados através da tela de toque.

Sistema de infotainment – tela de toque com controle por gesticulação

Controles incluem deslizador de toque. O controle de gesticulação é integrado à operação da tela de 12,8 polegadas do console central.  E a Volkswagen também está chamando a tecnologia apresentada em Las Vegas de "controle por gesticulação". Além disso, o sistema tem sensores de proximidade de alta resolução. Uma forma semelhante desses sensores já está sendo usada atualmente no Golf e outros modelos da marca.

Sob o mostrador de infotainment há um controle de toque deslizante. No Golf R Touch ele substitui o clássico botão de controle rotativo. O deslizador, que é equipado com um trilho-guia para o dedo, além de iluminação em LED e sensores de aproximação, é usado para ajustar intuitiva e precisamente funções como o volume do sistema de som.

Engenhosidade: o deslizador pode reconhecer quantos dedos estão sendo usados.  Quando apenas um dedo é utilizado, o volume do áudio é controlado. Com dois dedos, ele ajusta o volume da navegação e, com três, o volume do telefone. Além disso, o esquema de cores da iluminação ambiente e da unidade de infotainment, graves agudos, balanço e fader, também são comandados por deslizador.

Aparência e sensação da tela de toque. Mais do que nunca, a tela do sistema de informação e entretenimento está se tornando o ponto central de controle do cockpit. A clara integração do display no console central tem uma aparência extremamente refinada. O fato de praticamente não haver botões reais contribui para esta sensação de alta qualidade. Isto dá ao console central uma aparência decisivamente clara e bem organizada. Graças aos sensores de aproximação, também estão disponíveis um modo de informação muito claro e um modo de operação intuitiva com controles com tamanho otimizado. A densidade de informação é controlada inteligentemente através dos sensores de aproximação. Além disso, o inovador controle de gesticulação é usado para ativar e operar outros níveis de menus com a velocidade de um raio.

Controle de gestos da tela de toque. Gestos de controle no espaço em três dimensões são viabilizados por uma câmera 3D montada no módulo do teto. Isto torna a operação mais fácil do que nunca. O usuário se conecta com o sistema ao abrir os dedos de uma das mãos. Isto evita a ativação não intencional de alguma função pelo movimento da mão. Os controles são escolhidos usando o dedo indicador - movido em pleno ar, é claro. A função é confirmada pressionando um botão virtual com o indicador. A operação por gestos é encerrada pelo fechamento dos dedos da mão.

Personalização da tela de toque. O display pode ser amplamente personalizado. Como é comum nos smartfones e tablets, por exemplo, fotos e ilustrações podem ser integradas ao fundo das telas em um instante e várias janelas, com conteúdos como “clima” ou “biblioteca de mídia” (também personalizadas) são mostradas na tela.

Os blocos individuais podem ser movimentados ou ter o tamanho aumentado através de toque. Se um mapa de navegação estiver ativo no fundo, por exemplo, ele se adaptará automaticamente ao novo layout. O carro em si também pode ser representado em três dimensões (interior ou exterior, aberto ou fechado, luzes acesas ou apagadas, vidros abertos ou fechados), além de rodear, comandado por toques ou gestos. O menu Informações fornece o status do veículo no momento e, caso necessário, explicações animadas.

Iluminação ambiente personalizada. Por fim, mas também importante: a cor dominante da iluminação do display - que é chamada de cor decorativa HMI - e, da mesma forma, a luz ambiente, podem ser ajustadas através do comando de toque deslizante.  Também estão incluídos no esquema de cores a abertura/partida e o estacionamento/fechamento do Golf R Touch: Quando o carro é aberto, o interior ganha vida com todo o cockpit e o ambiente iluminados. Quando o carro é estacionado, entra em modo de espera. A iluminação ambiente tem profundidade cromática de 24 bits, o que permite a representação de 16,7 milhões de cores.

Instrumentos - Active Info Display

Instrumentos também podem ser personalizados. De forma semelhante ao display de toque do sistema de infotainment, a tela de 12,3 polegadas que hospeda o Active Info Display também pode ser adaptada individualmente, já que todos os instrumentos e indicadores são gerados digitalmente.  Internamente, os desenvolvedores criaram uma distinção entre o que chamam de “pequeno” ou “grande palco”.

Dependendo da configuração, o “pequeno palco” pode conter o conta-giros na esquerda (com o indicador de rotações no meio e temperatura embaixo), um velocímetro analógico gerado digitalmente na direita (com indicador digital no meio e medidor do nível do tanque na base) e, entre eles, o mostrador multifuncional com todos os menus imagináveis, tais como mensagens sobre o trânsito ou instruções de navegação. Abaixo de tudo, e inamovíveis, ficam o hodômetro com quilometragem total e parcial e o relógio.

No “grande palco”, o mostrador multifuncional gerencia tarefas como o mapa do sistema de navegação. À esquerda, em vez do conta-giros, o display pode mostrar mensagens sobre o trânsito ou informações do computador de bordo (como economia de combustível ou temperatura do motor). À direita, no lugar do velocímetro, pode figurar a capa de um disco, com a foto de um artista e nome da música tocada, da biblioteca de mídia, assim como a data e a temperatura externa. Nesse caso, permanecem inalteráveis o indicador de marchas na parte inferior esquerda e a velocidade do veículo e medidor de combustível, na parte inferior direita.

Console central - Centro de Controle

Fantástico. Com 8 polegadas, o Control Center (centro de controle) fica sob a tela principal de 12,8 polegadas, dando acesso ao controle de climatização, à biblioteca de mídia e às funções do veículo. Em lugar das teclas físicas habitualmente usadas para controlar as funções do veículo e controles de climatização, o Control Center utiliza touchpads. Elas são capazes de dar retorno tátil através de atuadores especiais. Inovação absoluta: as transições de um botão de toque para outro na tela podem ser sentidas fisicamente. Utilizando um sensor especial, o Control Center pode até mesmo avaliar a força utilizada pelo usuário. Isto permite criar funções que são ativadas pela pressão, exatamente como botões mecânicos. Esses detalhes reinados mostram quão maduro é o conceito geral.

Em um Volkswagen, os controles nos mostradores de toque que ficam fora da visão periférica do motorista podem ser percebidos pelo tato. Isto reduz significativamente a distração do motorista.

Bancos dianteiros com agitadores de graves. A música a bordo do Golf R Touch também pode ser uma experiência extraordinária. Os chamados agitadores de graves - integrados aos bancos do motorista e passageiro da frente - tornam as ondas sonoras extremamente sensíveis. A música do sistema de som é experimentada mais intensamente a nível físico, além de percebida pelos ouvidos.

Simulação de corrida

A eletrônica reforça a esportividade. O “Golf R Touch” é equipado com o motor de 292 cv, versão para o mercado americano, do novo Golf R. Evidentemente, qualquer outro sistema de propulsão poderia ser usado nesta versão do Golf. De qualquer modo, como o novo motor R é utilizado e o carro foi configurado dinamicamente de acordo com ele, uma função especial “race staging” também foi incluída. Ela é ativada através da grande tela de 12,8 polegadas e simula uma ampla variedade de parâmetros, criando uma espécie de teste de direção com o carro estacionado.

O som do motor é transmitido pelos autofalantes do sistema de som durante a aceleração, imagens do percurso são projetadas na tela, todos os dados importantes do veículo são exibidos no Active Info Display, o carro transmite vibrações na estrutura através de atuadores e, finalmente, a iluminação interna é modificada. A simulação de corridas ilustra como mais parâmetros podem ser personalizados e simulados eletronicamente do que jamais ocorreu anteriormente.



06/01/2015

VOLKSWAGEN GOLF R TOUCH CONCEPT É APRESENTADO NO CES